PC
Nada me vem a mente a não ser a dor e a angústia de não lhe ter, as saudades que quando estou sozinho me vem de você e a incerteza que se um dia vou lhe ter, será mesmo que vou aprender?

"Eu gosto de falhas, e me sinto mais confortável quando estou rodeada de pessoas que falham. Até porque eu mesma sou inteiramente feita de falhas, costuradas com boas intenções.
Emily has also loved.
"Eu lembro, lembro de tudo em mínimos detalhes. Lembro da primeira vez que nos falamos no telefone, eu estava tão sem jeito, com medo do que você acharia da minha voz e da minha risada escandalosa. Naquele dia, ao ouvir a primeira palavra que você me disse, senti minhas bochechas corarem, meus olhos brilharem e ouvi cada batida do meu coração. Aquela noite, mal consegui dormir por ficar me lembrando da sua voz. Ah, tua voz é linda, já te falei isso, não é mesmo? E teu choro, é torturante e consegue me fazer chorar também. Tua voz é encantadora, linda e me acalma. Lembro também do nosso primeiro “eu amo você”, tua voz falhou ao dizer isso. E Lembro principalmente das nossas promessas. Agora, onde está você, que disse que estaria sempre comigo? Você foi embora, mas esqueceu de levar também o amor imenso que sinto por ti. Ouvi falar milhares de vezes que alegria de pobre dura pouco e a minha mesmo sem mal ter começado, já acabou. Nossas promessas foram quebradas, meus sonhos destruídos e agora a única coisa que tenho é um simples coração partido.
Ravena Souza.  
"Não adianta implorar para ninguém ficar, fica quem quer. E é por isso que estou deixando você ir. Não estou desistindo, nem sendo fraco. Deus bem sabe o que se passa dentro de mim. Sabe de todas as orações que faço aos prantos, sem resposta. Ou talvez essa seja a resposta: deixar você ir. Eu errei, você errou, erramos. E ajoelhar aos seus pés não muda nada, só tortura mais. Então vou sumir um pouco, te bloquear da minha mente. Não quero ouvir notícias suas, nem boa nem ruim. Não vou responder mensagem, não agora. Você precisa sentir falta, precisa ver se realmente me quer. E não é que eu vou estar aqui te esperando, mas amor não acaba fácil. E ainda que eu esteja sendo forte, se você voltar, eu deixo você entrar. Mas cada dia a mais, é algo a menos. E a verdade, você sabe, se tiver que ser, daqui 10 anos a gente se encontra. Boa sorte sem mim.
Desconhecido. 
"Namoro á distancia se resume em: Saudade! É saudade do beijo que uma vez sentiu e demorou muito tempo para sentir novamente. É saudade do cheiro, da respiração, do corpo rente ao teu. É saudade das mãos entrelaçadas, da voz ao pé do ouvido e do choro amargurado naquela despedida não esperada. É saudade das canções que cantaram, dos abraços que deram e da paixão que juraram. É saudade, acima de tudo, de amar quem tanto ama de perto.
Camila Mendes  
"Olhe em direção a livraria na frente dela haverá uma mesa com um menino sentado de cabeça baixa bebendo um café e lendo o livro que comprastes a pouco tempo, veja o devorá-lo com seus olhos, veja sua emoção repleta de nada, veja sua raiva com o barulho da multidão fazendo-o se despertar de sua leitura, veja sua tristeza, tente ver o que há por dentro mas não se assuste ele tem uma mente perversa e sua alma é repleta de um vazio esperando para ser preenchido, veja sua dor e toda sua vida, apenas olhe em direção a livraria e veja uma pessoa tentando fugir de sua realidade, veja um alguém que precisa de um abraço, vá até ele e compartilhe sua leitura e as coisas boas da vida, apenas se direcione e tente me ver.
O Diário de Pedro. 
"E vocês sabem o que é um sonhador, cavalheiros? É um pecado personificado, uma tragédia misteriosa, escura e selvagem, com todos os seus horrores frenéticos, catástrofes, devaneios e fins infelizes… um sonhador é sempre um tipo difícil de pessoa porque ele é enormemente imprevisível: umas vezes muito alegre, às vezes muito triste, às vezes rude, noutras muito compreensivo e enternecedor, num momento um egoísta e noutro capaz dos mais honoráveis sentimentos… não é uma vida assim uma tragédia? Não é isto um pecado, um horror? Não é uma caricatura? E não somos todos mais ou menos sonhadores?
Fiodor Dostoievski.
"Os bêbados das três horas da manhã, em todos os Estados Unidos, fitavam as paredes, depois de terem finalmente desistido. Não era preciso ser bêbado para se machucar, para cair sob a mira de uma mulher; mas a gente podia se machucar e se tornar um bêbado. Você podia pensar por algum tempo, sobretudo quando era jovem, que estava com sorte, e às vezes estava mesmo. Mas havia todo tipo de médias e leis em ação das quais você nada sabia, mesmo quando imaginava que tudo ia indo bem. Uma noite, uma quente noite veranil de quinta-feira, você se tornava o bêbado, você estava lá fora sozinho num quarto de aluguel barato, e por mais que tivesse visto isso antes, não adiantava, era até pior, porque você tinha pensado que não teria que enfrentar aquilo de novo. A única coisa que podia fazer era acender mais um cigarro, servir outra bebida, examinar as paredes descascadas em busca de olhos e lábios. O que homens e mulheres se faziam uns aos outros estava além da compreensão.
Charles Bukowski.  
"Tortura mesmo é te ver e não poder te ter.
Pedro Costa.
"Minhas piores e melhores lembranças me levam a você.
Pedro Costa.
"Ela tinha tudo em suas mãos, mas jogou fora. Medo? Talvez, vai saber. Ela era cheia de insegurança, mágoas e decepções. Todos a julgavam, riam da sua cara, apontavam o dedo. Mas nunca pararam para perguntar o que ela sentia, o que ela escondia, o que ela queria. E foi assim que ela aprendeu que ninguém iria se importar se um dia ela levantasse do lado errado da cama, eles só pensam nos próprios problemas e sempre estarão ocupados demais para ouvir os seus dramas. Ela se fechou e tentou esconder a sua dor. Pobre menina, ela foi consumida pelos seus medos.
O Diário de Sofi. 
"Já que o amor fere, talvez eu goste de sentir dor.
Pedro Costa. 
"Mas, se você quiser, eu te espero. Se você me pedir, eu fico. Se você disser “vem”, eu vou. Eu volto. Deixo pra trás todo meu passado, todos os meus erros e atrasos cometidos até agora. Deixo para trás todos os meus medos e incertezas, todos os meus traumas e inseguranças, todas as minhas fraquezas e insatisfações. Deixo pra trás tudo que sou e fui. E tudo que deixei de ser. E me refaço com mais espaço para guardar você e toda a sua bagagem dentro de mim. Deixo pra trás o peso que carrego nas costas e me preocupo apenas com o peso das batatas das tuas pernas sobre as minhas. Eu deixo tudo pra trás, baby, mas não te deixo. Eu perco tudo: o horário do ônibus, o embarque no avião e o caminho de volta. Mas, não te perco. Não me perco.
Plenitude. 
"Bem, eu só queria dizer que, apesar desse seu jeito todo iceberg de ser, eu te acho uma mulher incrível. Você é o melhor ser humano entre os piores que já conheci. Ou o pior entre os melhores. Não sei. Sei que eu inexplicavelmente estou na tua e você sabe disso.
Gabito Nunes